top of page

Trabalhador morre atingido por rocha em mina de esmeraldas na Bahia


Um trabalhador morreu e duas pessoas ficaram feridas em um acidente em uma mina de Pindobaçu, no Norte da Bahia. Manoel Messias Souza dos Santos, de 47 anos, foi atingido por uma rocha na estação de esmeraldas na Serra da Carnaíba e não resistiu. O garimpo é o mesmo em que outro homem morreu no mês passado.


Manoel chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para o Hospital Professor Edgar Santos, em Pindobaçu, mas quando chegou já estava morto.


A Polícia Militar foi acionada para o local com a informação de que um acidente havia acontecido no subsolo da mina. Os PMs isolaram a área e chamaram o Samu.


A Polícia Civil informou que o caso foi registrado na Delegacia Territorial de Senhor do Bonfim como morte acidental. A investigação será conduzida pela delegacia de Pindobaçu.


Relembre


Um trabalhador do garimpo morreu após cair em uma mina onde trabalhava no município de Pindobaçu, na região centro norte do estado, no dia 27 de junho.


Segundo informações do Ministério Público do Trabalho (MPT), Alan Alves Mamona, de 41 anos, teria sofrido ferimentos ao cair numa das minas de exploração de esmeraldas na Serra da Carnaíba.


A Polícia civil informou que o homem chegou a ser socorrido até uma unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos. Foi expedido laudo para necropsia do corpo pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT). A morte foi registrada na Delegacia Territorial (DT) de Senhor do Bonfim).


Embora ainda não haja informações se ele era empregado de algum garimpeiro que atua no local, o MPT instaurou inquérito para apurar as circunstâncias que levaram ao acidente de trabalho.


Acidentes no garimpo


A 'Capital das Esmeraldas', como é conhecida a região, registrou há menos de quatro meses, outro acidente envolvendo um garimpeiro. O acidente ocorreu na tarde de quinta-feira, do dia 4 de abril deste ano, mas a remoção do corpo só ocorreu na manhã seguinte.


A vítima foi identificada como Cleiton Oliveira de Souza, de 51 anos. Ele estava no subsolo quando houve um desabamento e foi soterrado. Outros trabalhadores também foram soterrados, mas conseguiram sair do local.


O Corpo de Bombeiros e a Guarda Municipal foram acionados para prestar socorro, mas tiveram dificuldade para realizar o resgate devido ao difícil acesso ao local. Foi necessário o auxílio dos garimpeiros para conseguir a remoção do corpo da vítima, que foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Senhor do Bonfim. O Ministério Público do Trabalho também investiga este caso.



Fonte: Correio da Bahia

0 comentário

コメント


bottom of page