top of page

Sigma Lithium cresce 250% e lidera ranking da TSXV

A empresa registrou um crescimento de 250% em capitalização de mercado e um aumento de 193% no preço de suas ações


A Sigma Lithium, mineradora com gestão brasileira e que desenvolve projetos de lítio grau batería em Minas Gerais, liderou o ranking deste ano da TSXV, bolsa de acesso canadense para empresas em estágio inicial. A empresa registrou um crescimento de 250% em capitalização de mercado e um aumento de 193% no preço de suas ações.


“Os resultados deste ano destacam o papel que a TSXV desempenha para assegurar que as empresas em estágio de crescimento possam continuar a acessar o capital que necessitam para construir e expandir seus negócios,” disse Loui Anastasopoulos, presidente da Toronto Stock Exchange e Global Head, Capital Formation do TMX Group. “A Venture 50 de 2023 inclui empresas de todo o Canadá, assim como nove emissores internacionais, refletindo o impressionante alcance global dos nossos mercados de risco à medida que continuamos a expandir e diversificar o nosso dinâmico ecossistema”, acrescentou o dirigente.


Segundo o TMX Group, as empresas da Venture 50 de 2023 apresentaram um retorno financeiro médio de 73% e registraram um aumento médio de capitalização de mercado de 145%. O desempenho foi especialmente forte entre as empresas de mineração e energia, que cresceram 174% e 89% respectivamente, comparado ao crescimento combinado de 34% entre outros setores.


“Através da TSXV, os investidores de todo o mundo podem conhecer empresas com modelo de negócios diferenciados e que estão em processo de crescimento especialmente no Brasil. O ranking apresenta destaques em todos os setores que mostram a importância do capital de risco independente das condições econômicas,” reforçou Guillaume Légaré, Head do Brasil e América Latina da Bolsa de Valores de Toronto (TSX) e TSX Venture Exchange (TSXV).


Metade das empresas de mineração da lista deste ano possui propriedades na América Latina, um sinal da importância da região para metais de base e bateria.



Fonte: Brasil Mineral, assine e tenha acesso a um vasto conteúdo de notícias do setor mineral



0 comentário

Comments


bottom of page