top of page

Descarbonização: Gerdau testa caminhão elétrico para extração de minério de ferro




Com o objetivo de reduzir o consumo de diesel e emissão de CO2, a Gerdau, empresa produtora de aço, iniciou testes em um caminhão elétrico para atuar na operação de extração de minério de ferro, em Itabirito, Minas Gerais. A ação vem sendo desenvolvida na mina de Várzea Leste-Norte, e acontecem até o final do ano. O modelo usado na operação teste é o caminhão SANY SKT90E, que tem capacidade de carga para 60 toneladas. O projeto sustentável é feito entre a Gerdau e as empresas Fagundes e Irmen Máquinas.


Segundo a Gerdau, o intuito dos testes é avaliar a viabilidade da implementação da troca da frota existente para veículos elétricos nas minas da empresa.“Essa é a primeira vez que testamos um caminhão deste tipo e estamos satisfeitos com os resultados obtidos até o momento. Sabemos que esse é um grande passo dentro da escala industrial e está alinhado às nossas iniciativas para redução de emissões de carbono dentro de nossas operações”, destaca Wendel Gomes, diretor executivo da Gerdau.


Em fevereiro, a empresa anunciou assumiu o compromisso de reduzir suas emissões de gases de efeito estufa dos escopos 1 e 2 de seu inventário para um valor inferior a 50% da média global da indústria do aço.


O gerente comercial da Irmen Máquinas, representante oficial da SANY no Brasil, fabricante do caminhão, Pedro Brandão, ressalta a importância da parceria. “Na operação da Gerdau, conseguimos a maior autonomia de bateria, chegando a dez horas e meia em média. Um resultado muito surpreendente e positivo, aumentando a produtividade com bastante segurança”, contou o representante da Irmen Máquinas.


Os testes estão sendo realizados pela motorista Samira Cássia, colaboradora da Fagundes, empresa parceira na operação da mineração na Gerdau. “Está sendo uma honra participar da experiência e contribuir para a melhoria dos resultados. É produzir com qualidade, cuidando também do futuro do nosso planeta”, destaca.


Fonte: Revista Minérios & Minerales

0 comentário

コメント


bottom of page