top of page

ValOre investe em platina e paládio no Ceará

A ValOre Metals anunciou investimento de R$ 10 milhões para a terceira campanha de sondagens



A ValOre Metals anunciou investimento de R$ 10 milhões para a terceira campanha de sondagens para o projeto de exploração de platina e paládio em Pedra Branca, no sertão do Ceará. Os metais são muito utilizados pela indústria automotiva para a fabricação de catalisadores dos veículos.

As duas sondagens anteriores foram realizadas nos anos de 2021 e 2022 e é um processo em que a mineradora identifica os recursos para determinar o tamanho do depósito mineral. Após esta fase, são realizados estudos adicionais para verificar a viabilidade econômica da mina. "Projetos de mineração, especialmente os de minérios nobres, como paládio e platina, exigem muito trabalho de campo, para levantar amostras, muitas análises de laboratório e muito tempo até que se tenha alcançado os dados suficientes para a definição de um depósito que tenha viabilidade econômica frente ao montante de recursos investidos e os que serão necessários para a implantação de uma mina", explica Tomás Figueiredo Filho, ex-diretor da Agência Nacional de Mineração (ANM) e advogado com atuação no setor.

Ouro

Outro projeto desenvolvido em Pedra Branca pertence à canadense South Atlantic Gold, que assinou memorando de entendimento com o Governo cearense em julho de 2022. A empresa investiu mais de R$ 13 milhões até o momento em pesquisa mineral para o projeto.

No caso de viabilidade econômica, a Atlantic Gold prevê investimentos da ordem de R$ 120 milhões e uma produção inicial estimada em 66 mil onças de ouro.


Fonte: Diário do Nordeste

0 comentário

Comments


bottom of page