SINDIMINA - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração, Pesquisa e Benefício de Ferro, Metais Básicos e Preciosos de Serrinha e Região

Rua Macário Ferreira, nº 522 - Centro - Serrinha-BA     / Telefone: 75 3261 2415 /  sindimina@gmail.com

Funcionamento :  segunda a sexta-feira, das  8h às 18h.

Vale eleva nível de segurança da barragem Forquilha IV em Ouro Preto

De acordo com a mineradora, uma anomalia foi identificada na barragem durante inspeção de rotina. Nível de emergência 1 não requer evacuação.

A Vale afirmou nesta quinta-feira (31) que elevou o nível de segurança da barragem Forquilha IV para 1. Ela faz parte do complexo da Mina Fábrica, em Ouro Preto, na Região Central de Minas Gerais.


O protocolo de emergência foi elevado para o nível 1, que não requer a retirada de moradores das áreas de risco e nem o toque de sirenes. O nível 1 significa estado de prontidão, indicando situação adversa na estrutura e controlável pela empresa.


De acordo com a mineradora, uma anomalia foi identificada na barragem durante inspeção de rotina. Segundo a nota, "a expectativa é que se torne negativa a Declaração de Condição de Estabilidade (DCE) da estrutura". A barragem Forquilha IV não recebe rejeitos desde fevereiro deste ano.



Forquilhas I, II e III

Em março deste ano, as barragens Forquilha I e III, também localizadas na Mina Fábrica, passaram para o nível três de risco de rompimento. A Forquilha II está em nível dois.


Todas as estruturas foram construídas pelo sistema a montante, o mesmo da que se rompeu em Brumadinho no dia 25 de janeiro. De acordo com a Vale, as barragens Forquilha I e III já estavam inoperantes e fazem parte do plano de descomissionamento da mineradora.


O complexo fica nos limites do município. Mas, em caso de colapso, a inundação não passaria pelo centro histórico. Itabirito, a 34 quilômetros de Ouro Preto, seria a principal atingida.