US$ 5 milhões para ajuda humanitária na Ucrânia

O conflito não tem nenhum impacto direto nos negócios da Anglo American, pois a companhia não tem operações ou escritórios na Ucrânia ou na Rússia.





O presidente da Anglo American, Mark Cutifani, disse condenar as ações da Rússia contra o povo da Ucrânia. “Em primeiro lugar, nossos pensamentos estão com o povo da Ucrânia e todos nós queremos uma resolução rápida e pacífica e um fim imediato à perda de vidas. Em reconhecimento ao horror que se desenrola na Ucrânia e em apoio àqueles entre nossos funcionários que têm familiares e amigos afetados, a Fundação Anglo American fará uma doação de US$ 5 milhões para uma ou mais instituições de caridade envolvidas na prestação de ajuda humanitária na Ucrânia”.


A Anglo American Foundation também igualará as doações feitas pelos funcionários, até £1.000 por pessoa por ano, por meio do esquema de Employee Match Funding, aberto a todos os funcionários permanentes da Anglo American.


O conflito na Ucrânia atualmente não tem nenhum impacto direto nos negócios da Anglo American, pois a companhia não tem operações ou escritórios na Ucrânia ou na Rússia. “Há potencial para que mercados e cadeias de suprimentos mais amplos sejam afetados e estamos trabalhando com nossos parceiros e órgãos do setor para monitorar a situação e nos preparar para qualquer interrupção”, concluiu Cutifani.


Fonte: Brasil Mineral, assine e tenha acesso a um vasto conteúdo de notícias do setor mineral

0 comentário