top of page

Primeiro caminhão subterrâneo elétrico versão trólei da Epiroc entra em operação na Suécia

Sem necessidade de paradas para recarga e maior velocidade em rampas permite ampliar a produtividade de cada caminhão em até 126 toneladas por turno.


A Epiroc e ABB alcançaram um novo marco tecnológico na indústria de mineração ao implantar com sucesso o primeiro caminhão subterrâneo elétrico em versão trólei, alimentado por um circuito de cabos aéreos. A apresentação aconteceu em uma pista de teste subterrânea de 800 metros de comprimento na Suécia, com uma inclinação de 13%, buscando demonstrar a potência, capacidade de tração e viabilidade prática da nova solução.


“Nos últimos três anos, trabalhamos em estreita colaboração com as equipes da ABB e da Epiroc para caminharmos em direção à mina elétrica do futuro”, disse Peter Bergman, Gerente Geral de Área na Boliden.


“O mais importante para nós, é claro, é que a tecnologia funcione em nossas próprias operações, mas também vemos um valor agregado no fato de que, juntos com nossos parceiros, podemos impulsionar o desenvolvimento tecnológico para que o sistema possa ser utilizado em outras minas. Temos orgulho de ter levado este conceito para uma operação prática.” – complementa.


Segundo a Agência Internacional de Energia (IEA), a demanda por minerais críticos para a energia limpa deve aumentar significativamente até 2030.


Para atender a esse cenário, a Boliden está implementando um sistema elétrico com catenária na mina Rävliden, pertencente ao complexo de Kristineberg, que extrai zinco, cobre, chumbo, prata e ouro no norte da Suécia.


Utilizando quatro caminhões Minetruck MT42 SG versão trólei da Epiroc, a operação cobrirá 5 km a uma profundidade de 750 metros, resultando em emissões de carbono muito menores em comparação com tecnologias convencionais e estabelecendo um novo padrão para as minas do futuro.


A eletrificação também promete melhorar a saúde e segurança dos trabalhadores, reduzindo emissões, ruído e vibração, além de diminuir o custo por tonelada.


Foto: Epiroc





No projeto colaborativo, a Epiroc forneceu a tecnologia para carregamento dinâmico dos caminhões elétricos enquanto que a ABB contribuiu com a infraestrutura de catenária e componentes da infraestrutura elétrica. A definição de padrões e a interface do veículo foram desenvolvidas em conjunto pelos parceiros do projeto.


O sistema de alimentação por cabos aéreos (catenária) aumenta a eficiência, fornecendo assistência adicional em rampas íngremes e permitindo regeneração da bateria durante a descida, o que melhora a produtividade das operações de mineração.


"Através dessas parcerias podemos acelerar a transformação e alcançar uma curva acentuada na inovação tecnológica de mineração, como fizemos em Kristineberg," disse Wayne Symes, Presidente da divisão de Mineração Subterrânea da Epiroc. "Em pouco tempo, implementamos e entregamos tecnologia para não apenas reduzir as emissões de CO2, mas também para aumentar substancialmente a capacidade de distância de viagem para veículos elétricos de bateria em rampas, reduzir os custos operacionais e melhorar a saúde e a segurança dos ambientes de mineração."


"Estamos entusiasmados e comprometidos em gerar um progresso real para a indústria de mineração," disse Max Luedtke, Gerente Global de Linha de Negócios de Mineração da ABB. "Ver o primeiro sistema de caminhão elétrico com catenária da indústria em operação não é apenas o resultado de uma realização colaborativa com a Boliden e a Epiroc, mas é verdadeiramente um marco da indústria. Lançamos o conceito ABB eMine™ de métodos e soluções para trazer eletrificação para toda a operação de mineração e a instalação em Kristineberg demonstra o poder dessa solução."


Este projeto é apoiado por financiamento da agência sueca de inovação Vinnova, Indústria Sustentável, e contribuirá para a visão da Boliden de ser o fornecedor mundial de metais mais respeitado e de baixo impacto climático



Fonte: Conexão Mineral

0 comentário

Comments


bottom of page