Austrália inclui engenheiros de minas em lista prioritária para migração

O governo australiano alterou as regras para aceitar migrantes no país e inclui uma série de profissões qualificadas para a indústria mineral na Lista de Ocupações Qualificadas de Migração Prioritária (PMSOL, na sigla em inglês). A medida foi comemorada por entidades ligadas ao setor.


"À medida que a Austrália se ajusta a um ambiente pós-Covid, o papel da migração qualificada no acesso a habilidades técnicas e especializadas para a indústria de mineração será crucial", afirmou a diretora-executiva do Conselho Mineral da Austrália (MCA, também na sigla em inglês), Tania Constable.

Ao todo foram incluídas 22 novas ocupações à PMSOL, incluindo engenheiro de Minas, Geotécnico, Estrutural e Eletricista, entre outros.

"O anúncio do governo australiano de que ocupações relacionadas a minerais cruciais foram adicionadas à PMSOL é um passo significativo para garantir engenheiros e cientistas altamente qualificados para a indústria de mineração", avaliou Constable.

Ela salientou ainda que "o MCA continua a ver uma estrutura de migração qualificada eficaz, flexível e funcional como mais importante do que nunca, para que as habilidades relevantes estejam disponíveis e sejam aplicadas a projetos e oportunidades em toda a indústria".

O setor de recursos australiano emprega cerca de 243.000 pessoas em vagas predominantemente de alta qualificação. Segundo o MCA, a indústria mineral emprega mais de 3.500 engenheiros de mineração, quase 10.000 geocientistas de minerais e cerca de 10.000 cientistas ambientais.


"À medida que as oportunidades na indústria de minerais continuam a crescer, mais 1.100 engenheiros de mineração deverão ser empregados no mercado interno até 2024", calcula a diretora-executiva do conselho.

De acordo com Tania Constable, a disponibilidade de engenheiros de Minas no país está no "nível mais baixo de todos os tempos". Por isso, segundo ela, "o acesso prioritário a engenheiros de mineração do exterior aliviará a pressão sobre o atual pipeline doméstico".

A diretora da Engineers Australia, entidade que representa a categoria, Bronwyn Evans, também aprovou a expansão da PMSOL. "A Engineers Australia dá as boas-vindas ao acréscimo de sete ocupações de engenharia à Lista de Ocupações Qualificadas para Migração Prioritária", disse ela.

Segundo Evans, a medida "deverá beneficiar muitas empresas em uma variedade de setores de engenharia intensiva na Austrália". "Em nome da profissão, a Engineers Australia tem se envolvido com o governo da Commonwealth sobre melhorias na migração qualificada conforme a Austrália se move em direção à fase de recuperação econômica da pandemia de coronavírus e é agradável que o governo tenha ouvido e tomado as medidas adequadas", concluiu.

A lista completa sobre as profissões prioritárias para migração na Austrália está disponível na página da PMSOL.

https://immi.homeaffairs.gov.au/visas/employing-and-sponsoring-someone/sponsoring-workers/pmsol


Fonte: Notícias de mineração do Brasil

0 comentário