Aura Minerals: expectativa de forte geração de caixa nos próximos anos é alta



O ambiente positivo para os preços do ouro, o aumento da produção e a diluição de custos fixos deixam os analistas do Safra confiantes com a ideia de que a Aura Minerals (AURA33) vai gerar um grande fluxo de caixa nos próximos anos.

Conrado Vegner e Victor Chen, autores do relatório divulgado pela instituição ontem, reforçaram a recomendação de outperform (desempenho esperado acima da média do mercado) e o preço-alvo para o fim de 2021 de R$ 79 à ação. Os analistas destacaram que a forte geração de caixa levará a dividendos mais atraentes, o que, combinado à baixa alavancagem da Aura, coloca a companhia em uma boa posição para perseguir oportunidades de aquisição.

Em fato relevante divulgado ao mercado, a Aura anunciou que a mina Gold Road, localizada nos Estados Unidos e adquirida pela companhia em março deste ano, declarou produção comercial efetiva a partir de 1º de dezembro de 2020.

A Aura também reportou os dados da produção comercial da mina. De setembro a novembro de 2020, a companhia produziu um montante médio de 370 toneladas de ouro por dia, correspondente a 74% da capacidade nominal. Outubro foi o mês de pico, com 83% da capacidade.

Segundo o Safra, há espaço para aumentar as estimativas do valor patrimonial líquido com o reconhecimento de novas reservas.

“A conclusão de estudos técnicos e de viabilidade para a Gold Road e outros ativos são esperados para 2021, potencialmente adicionando às reservas da companhia e aumentando as estimativas de valor patrimonial líquido”, afirmaram Vegner e Chen.


Fonte: www.moneytimes.com.br

0 comentário

SINDIMINA - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração, Pesquisa e Benefício de Ferro, Metais Básicos e Preciosos de Serrinha e Região

Rua Macário Ferreira, nº 522 - Centro - Serrinha-BA     / Telefone: 75 3261 2415 /  sindimina@gmail.com

Funcionamento :  segunda a sexta-feira, das  8h às 18h.