top of page

Alderan australiana assume projetos de exploração de lítio



Localizados perto de outros grandes projetos de lítio, como o Grota do Cirilo, da Sigma Lithium, os projetos de exploração abrangem 472 km² e incluem 24 licenças de exploração concedidas em sete áreas, nomeadamente Caraí, Catuji, Curral de Dentro, Governador Valadares, Itaípe, Itambacuri e Minas Novas.

A área abriga outros projetos em operação, como o Grota do Cirilo, de propriedade da Sigma Lithium, que mediu e indicou recursos de 77,034 milhões de toneladas (mt) com 1,43% de óxido de lítio (Li₂O). Também inclui o projeto Salinas, que é de propriedade da Latin Resources , que mediu e indicou recursos de 45,2 milhões de toneladas a 1,34% Li₂O.

No acordo, a Alderan concordou em pagar 110.000 dólares australianos (US$ 70.513,30) em dinheiro e emitir 150 milhões de suas ações, a A$ 0,006 cada, após autorização dos acionistas. A contraprestação também inclui 100 milhões de opções da classe AL8OA, cada uma exercível por A$ 0,016, que expirará em setembro de 2025.

A empresa também emitirá ações, sujeitas ao cumprimento de determinados marcos. Se seis fragmentos de rocha com mais de 1% de Li₂O em pegmatitos contendo espodumênio no projeto forem obtidos, ela emitirá 50 milhões de ações ao preço de A$ 0,006 cada.

Se interceptações de perfuração de mais de 10 milhões forem feitas com um mínimo de 1% de Li₂O no projeto, a empresa emitirá 75 milhões de ações. Além disso, Alderan garantiu compromissos de investidores para uma colocação condicional de ações para levantar quase A$ 1,75 milhão. Sujeito à aprovação dos acionistas, emitirá 291,66 milhões de suas ações para captar recursos.

O diretor administrativo da Alderan, Scott Caithness,afirmou que “a aquisição do extenso pacote de áreas de exploração da Parabolic em um distrito de lítio estabelecido no Brasil é um desenvolvimento importante para a Alderan . A Parabolic tem uma equipe estabelecida no país com experiência significativa na identificação de áreas prospectivas de lítio e vai acelerar as atividades de exploração terrestre da nossa empresa, que estão planejadas para começar no quarto trimestre de 2023.”


Fonte: Revista Minérios & Minerales

0 comentário

ความคิดเห็น


bottom of page