Ação da Vale salta mais de 3% após alta robusta do minério de ferro



A ação da Vale valorizou mais de 3% no pregão desta terça-feira , acima do desempenho do Ibovespa (IBOV), na esteira da forte alta do minério de ferro negociado na China.

O contrato mais negociado do minério de ferro em Dalian, para entrega em janeiro de 2022, saltou 6,2%, a 817,50 yuans por tonelada, recuperando-se de uma mínima de sete meses e meio registrada na última sexta-feira (20).

Um dos principais vetores responsáveis pela alta da commodity, que beneficia diretamente a mineradora brasileira, é o alívio do coronavírus na China, principal compradora de materiais básicos do mundo.


O sentimento de alívio sob temores relacionados ao surto de Covid-19 no país asiático ajudou a acalmar os nervos no mercado após vários dias de liquidação por preocupações com a demanda.


A ação ordinária da Vale fechou em alta de 3,65%, cotada a R$ 99,71 cada. Já o Ibovespa, índice de referência do mercado acionário brasileiro, avançou ,23%, a 120.096,03 pontos, maior alta desde fevereiro, de acordo com dados preliminares.

Vale a pena investir em commodities agora?

Com a recuperação de grandes economias mundiais, como China e Estados Unidos, o desempenho de muitas commodities tem chamado a atenção do mercado financeiro.

As ações de empresas que comercializam esses produtos básicos estão em alta e se apresentam como opções interessantes aos investidores.

Do total de 84 ações que compõem o Ibovespa, 13 são de empresas exportadoras de commodities. Deste total, dez tiveram um desempenho acima do próprio índice, desde o ano passado.


Fonte: Moneytimes.com.br

0 comentário