Expectativa de emprego para mineração é positiva para terceiro trimestre


O estudo de Expectativa de Emprego da consultoria ManpowerGroup, divulgado na terça-feira (11), mostra que os empregadores estimam um ritmo de contratações mais otimista para o setor de mineração, que inclui Agricultura e Pesca, no terceiro trimestre de 2019, com uma Expectativa Líquida de Emprego de +19%.

Confirmando a tendência dos últimos levantamentos, 17% dos empresários brasileiros participantes da pesquisa pretendem ampliar o número de contratações para o terceiro trimestre de 2019 e 74% deles afirmam a intenção de manter o quadro atual de profissionais. A pesquisa incluiu mais de 59 mil empregadores de 44 países, sendo realizada com 850 empregadores brasileiros.

Estes indicadores refletem um resultado líquido de +11% na expectativa de emprego, crescimento de 3 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior e 7 pontos percentuais em comparação com o mesmo período do ano passado. As grandes empresas são impulsionadoras deste crescimento, com +27% de expectativa de emprego.

"A estabilidade nos indicadores da pesquisa reforça que as empresas aguardam as definições do cenário econômico, mas já se preparam para a retomada das contratações. Entre os pontos positivos que a pesquisa apresenta, o destaque é o retorno do otimismo dos profissionais de Construção, setor que estava em queda nos últimos anos, e os empresários cariocas que, pelo segundo trimestre consecutivo, sinalizam que pretendem retomar as contratações", diz o relatório.

Os empregadores no Brasil relataram as intenções de contratação mais fortes dos últimos cinco anos. Estima-se um aumento das contratações em todos os oito setores e nas cinco regiões do país, no período de julho a setembro, sendo que as intenções de contração mais fortes foram reportadas por empregadores nos setores de Agricultura, Pesca & Mineração; Finanças, Seguros & Imobiliário; e Comércio Atacadista & Varejista.

No ranking, o Brasil aparece na 15ª colocação ao lado da Guatemala. A lista é liderada por Japão (+25%), Taiwan (+22%) e Estados Unidos (+21%). Os países com os indicadores menos otimistas são Espanha, Itália e Argentina, com 1% cada, e Hungria que, com - 2%, apresenta a pior expectativa.

Setores

Os empregadores dos setores de Agricultura, Pesca & Mineração (+19%) e Finanças/Seguros & Imobiliário (+13%) e Comércio Atacadista & Varejista (+13%) foram os principais responsáveis por alavancar a melhora na expectativa.

O maior crescimento foi verificado no setor de Construção, com expectativa de +8%, 12 pontos percentuais melhor do que o registrado no trimestre anterior. O setor de Transportes, com +7%, apresentou o pior indicador entre os segmentos pesquisados.

Regionalmente, o Estado do Paraná apresenta indicador de +16%, crescimento de 1 pp em relação ao trimestre anterior e 8 pp em relação ao mesmo período do ano passado, seguido pelos Estados de São Paulo e Minas Gerais, com +14% e +13%, respectivamente. No Rio de Janeiro, pelo segundo trimestre consecutivo, os empregadores demonstram uma expectativa positiva, com +5%; 10 pp melhor em relação ao mesmo período do ano passado. As informações são da consultoria ManpowerGroup.

Fonte:https://www.noticiasdemineracao.com/brasil/news/1365190/expectativa-de-emprego-para-minera%C3%A7%C3%A3o-e-positiva-para-terceiro-trimestre


SINDIMINA - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração, Pesquisa e Benefício de Ferro, Metais Básicos e Preciosos de Serrinha e Região

Rua Macário Ferreira, nº 522 - Centro - Serrinha-BA     / Telefone: 75 3261 2415 /  sindimina@gmail.com

Funcionamento :  segunda a sexta-feira, das  8h às 18h.