Mina de ouro Aurizona volta a produzir em breve no Maranhão


Instalações da Aurizona

A Equinox Gold disse ontem que a reconstrução da mina de ouro Aurizona, em Godofredo Viana, no Maranhão, está praticamente concluída e deve entrar em produção nas próximas semanas. A empresa conta com 750 mil toneladas de minério prontas para serem processadas.

O comissionamento da planta que vai processar o minério de Aurizona está em andamento usando a linha de energia existente. As melhorias nas subestações para suportar o aumento da demanda de energia estão completos e aguardam a aprovação final da concessionária estadual de energia.

"O primeiro minério foi processado através do sistema de britagem e os motores dos moinhos SAG e de bolas foram totalmente testados. A equipe de construção está agora concluindo a instalação elétrica e de instrumentação, incluindo a retirada de cabos nas áreas CIP, de detox e de reagentes e fazendo as conexões finais de motores e de instrumentos", disse a mineradora em nota.

O comissionamento se iniciou em dezembro de 2018. A equipe da Aurizona completou mais de 1,2 milhão de horas de construção sem acidentes com afastamento. Mesquite A Equinox concluiu a aquisição da mina de ouro Mesquite, na Califórnia, em 30 de outubro de 2018, o que a transformou imediatamente em uma produtora com 25.601 onças de ouro no ano passado, quando foi gerada uma receita de US$ 30,2 milhões após a aquisição. "O principal objetivo da Equinox Gold para 2018 foi transformar de desenvolvedor a produtor de ouro. A aquisição da mina Mesquite acelerou essa transição, trazendo produção imediata e fluxo de caixa e aumentando o perfil de produção da empresa para 2019.

Além do primeiro lote de ouro na Aurizona nas próximas semanas, a Equinox Gold espera produzir mais de 230 mil onças de ouro em 2019 e continuará a ampliar seu perfil de produção com o desenvolvimento da Castle Mountain, exploração e aquisições estratégicas", disse o diretor Christian Milau. No fim do ano passado, a Equinox tinha em caixa US$ 60,8 milhões. As informações são da Equinox, que opera no Brasil com a subsidiária Mineração Aurizona.

Fonte:https://www.noticiasdemineracao.com/produ%C3%A7%C3%A3o/news/1358637/mina-de-ouro-aurizona-volta-produzir-em-breve-no-maranh%C3%A3o


SINDIMINA - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração, Pesquisa e Benefício de Ferro, Metais Básicos e Preciosos de Serrinha e Região

Rua Macário Ferreira, nº 522 - Centro - Serrinha-BA     / Telefone: 75 3261 2415 /  sindimina@gmail.com

Funcionamento :  segunda a sexta-feira, das  8h às 18h.