Santaluz: Brio Gold Mineração divulga resultados ‘satisfatórios’ de testes e anuncia retorno de oper


A mina de ouro de propriedade da empresa Brio Gold, subsidiaria da Yamana Gold – que está com a operação de beneficiamento suspensa desde 2014, deve retomar suas atividades no segundo trimestre de 2018. A informação foi divulga pela empresa em comunicado divulgado nesta terça-feira (1°). De acordo com a empresa, testes e estudos vêm sendo realizados em uma planta piloto e os resultados estão sendo satisfatórios. “Resultados consistentes de recuperação para minerais carbonáceos, dacíticos e misturados foram verificados com um circuito padrão de resina em lixiviação com um nível de confiança muito alto”, disse em comunicado. Ainda de acordo com a Brio Gold, o comissionamento e adequação da usina de beneficiamento para dar início a operação está avançando. “A engenharia básica foi concluída em maio e a engenharia detalhada da construção começou em junho”, informou em comunicado.

Economia local

Desde 2014, a economia de Santaluz vem sofrendo com a paralisação das atividades da mineradora. Atualmente, a Brio Gold é a única empresa a explorar ouro na Bahia, segundo informação da Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM). Além de Santaluz, a empresa possui reservas em Jacobina e Teofilândia, ambas já em produção plena. A multinacional prevê que 84 Milhões de dólares serão investidos na mina de Santaluz até 2018. Uma vez com as atividades restabelecidas a empresa deve gerar inúmeras vagas de trabalho, o que deve ajudar na recuperação da economia da cidade.


SINDIMINA - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração, Pesquisa e Benefício de Ferro, Metais Básicos e Preciosos de Serrinha e Região

Rua Macário Ferreira, nº 522 - Centro - Serrinha-BA     / Telefone: 75 3261 2415 /  sindimina@gmail.com

Funcionamento :  segunda a sexta-feira, das  8h às 18h.