FBDM TOCA TERROR NA TENTATIVA DA APROVAÇÃO DO ACT 2016/2017


Como se não bastasse os absurdos apresentados pela empresa nesse acordo coletivo, os trabalhadores ainda estão sendo ASSEDIADOS MORALMENTE pelo gerente administrativo, para que abram mão dos seus direitos e votem na proposta indecente da FBDM.

Esta criatura vem promovendo lavagem cerebral, ameaçando os trabalhadores de demissões como forma de pressão para aprovar um acordo que a maior beneficiada (caso aconteça) será a empresa. Em uma atitude desesperada, PASMEM, esse gestor distribuiu até gestos obscenos na área. Dá para acreditar? Esse realmente não sabe o que é ser um líder, muito menos o que significa a palavra respeito.

O Sindimina repudia veemente este tipo de atitude e tomará as medidas necessárias para que não volte a ocorrer situações como esta. Enquanto representantes dos trabalhadores, não concordamos, de forma alguma, com tudo que vem acontecendo nessa negociação do ACT. Somos contra a essa desgastante jornada de trabalho e essa postura da FBDM. Contudo, nós representamos e precisamos ouvir a classe para que possamos entender todos os anseios e, também, dividir as responsabilidades na permanência ou não dessas condições.

Pedimos a todos que, caso aconteça uma votação, reflitam sobre todo este contexto para que (juntos) possamos dizer um NÃO a essas propostas indecentes. Não cedam a pressão patronal! Juntos somos mais fortes e unidos conseguirmos melhorar os benefícios e, principalmente, essa TERRÍVEL carga horária da Mina.


SINDIMINA - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração, Pesquisa e Benefício de Ferro, Metais Básicos e Preciosos de Serrinha e Região

Rua Macário Ferreira, nº 522 - Centro - Serrinha-BA     / Telefone: 75 3261 2415 /  sindimina@gmail.com

Funcionamento :  segunda a sexta-feira, das  8h às 18h.